Mobilidade, um mercado B2B

Soraya Lopes | | mercados e necessidades

O mercado B2B está cada vez mais buscando ferramentas que respondam às suas principais necessidades de mobilidade. E isto vale para empresas de todos os tamanhos e segmentos.

De startups e pequenos prestadores de serviços a grandes corporações, todos vivem um momento no qual seus dirigentes, e muitos de seus recursos, precisam estar conectados ao negócio e às atividades da empresa o maior tempo possível e em qualquer lugar. O primeiro sintoma disso talvez tenha sido com a popularização dos telefones Black Berry e rádios há alguns anos. Naquele momento, principalmente para quem ganhou um deste no momento da contratação, ficava claro que o trabalho estaria presente por onde fosse e em todo o momento.

Nos útlimos anos vimos empresas de segmentos variados procurarem por soluções que atendessem a alguns pontos que o rádio já não atendia mais. A velocidade, rastreabilidade, execução de tarefas e tomada de decisões se apresentam mais urgentes e de responsabilidade e decisão compartilhadas ou realizadas pelo maior número de pessoas possível, de cargos comuns ou distintos.

Os principais pontos a serem respondidos por aplicativos nas companhias que já vimos são:

  1. Força de Venda – saber onde estão os vendedores externos, enviar leads, montar agenda inteligente e enviar pedidos de venda ou atualização de atividades de CRM online são as funcionalidades mais solicitadas neste caso;
  2. Equipe de Entregas – rastreamento de carga e equipe, agendamento rápido de novas entregas com priorização por distância e feedback rápido sobre sucesso ou não de entrega são os pedidos mais comuns;
  3. Acompanhamento de KPIs – Visualização e interação com relatórios e gráficos, bem como alertas para números e níveis críticos estão em quase todas as listas de desejos;
  4. Gerenciamento de Tarefas – cadastrar novas tarefas, atualizar e visualizar status e observações, bem como, gestão de níveis de decisão, fazem parte da maioria dos escopos;
  5. Monitoramento de Ponto de Venda – anexar fotos, comentários e indicar se produtos estão devidamente expostos são pedidos comuns pelas indústrias que vendem produtos nos grandes varejos.

Tais produtos, em geral, são de fácil desenvolvimento e implantação. Os principais pontos de preocupação no planejamento do produto seriam usabilidade para o stakeholders (ou público-alvo) e uso de rede (sim, em muitos casos o sinal de internet é tão ruim que muitas das ações precisam trabalhar offline e depois serem sincronizadas). É importante ter em mente que quase 100% dos casos é necessário integração com sistema legado das empresas – um CRM ou ERP, por exemplo – desta forma, um bom diálogo com as equipes envolvidas e um planejamento de formatos e datas de entregas ajuda a não comprometer prazo ou qualidade.

Cada vez mais atividades deverão ser realizadas a qualquer hora de qualquer lugar por responsáveis de qualquer nível hierárquico. A mobilidade é um tema que dominará o mercado corporativo e ditará o comportamento de seus colaboradores dentro e fora das empresas.

Se sua empresa está avaliando de entrar no universo móvel, clique aqui e veja como podemos ajudar.